GPS em atraso: TUDO que você precisa fazer e saber ESTÁ AQUI!

Governo

Quando falamos em previdência é muito comum surgirem dúvidas sobre vários assuntos principalmente sobre as guias que devem ser pagas por pessoas jurídicas que já tem funcionários vinculados a sua empresa ou por autônomos. Uma das maiores dúvidas que surgem acerca da previdência é sobre o GPS em atraso.

Se você também possui dúvidas sobre o GPS em atraso este artigo é para você porque a seguir eu irei dizer tudo o que você precisa saber sobre como calcular, consultar e atualizar a sua guia. Continue lendo este artigo e confira tudo a seguir.

GPS em atraso: O que é?

GPS é a sigla que designa Guia da Previdência Social que é uma guia que o órgão público utiliza para arrecadar os tributos que são referentes às várias contribuições trabalhistas. E essa guia gera muitas dúvidas, pois possuir o GPS em atraso poderá trazer várias consequências.

Na maioria dos casos esta guia é calculada por quem faz a contabilidade da empresa, contudo ela também pode ser calculada facilmente no site da Receita Federal por isso se você está com o seu GPS em atraso a seguir eu irei falar como você poderá atualizá-lo para fazer o seu pagamento.

Como calcular?

Para fazer o cálculo do GPS em atraso você deverá apenas acessar a internet não sendo mais necessário ir presencialmente a uma unidade de atendimento da Receita Federal, basta acessar o site oficial do governo, assim conseguirá atualizar a sua guia em atraso em pouco tempo e sem precisar sair de casa.

Acesse o site da Receita Federal com as suas informações em mãos e o cálculo será feito automaticamente em poucos minutos.

Como atualizar o GPS em atraso?

Para que você não tenha problemas futuros é ideal sempre pagar suas tributações em dia assim será possível evitar transtornos e multas. Contudo, como imprevistos acontecem pode ser que em algum momento você não consiga quitar o GPS e por isso para fazer o pagamento é necessário atualizar o GPS em atraso ou você não conseguirá pagá-lo e a multa continuará sendo gerada.

Veja abaixo o passo a passo de como atualizar a sua guia para efetuar o pagamento.

  1. Você deverá acessar o site oficial do INSS
  2. Em seguida você deverá clicar no botão calcular guia.
  3. Na página em que você foi redirecionado você deverá clicar em um dos módulos disponíveis conforme sua situação
  4. Depois você deverá apenas preencher o formulário com as informações que serão solicitadas e a sua guia será atualizada em poucos minutos.

Quem não contribuiu

As pessoas que não estão inscritas no INSS ou que não fizeram o recolhimento deverão ir presencialmente ao atendimento da Previdência Social a fim de fazer a retroação da data de início da sua contribuição para que seja possível pagar as guias em atraso. Se este pedido não for feito, este período em que não houve contribuição não será incluído na hora do cálculo da aposentadoria.

Quem não possui cadastro no INSS deverá comprovar que já exerceu uma atividade remunerada como autônomo na época em que não contribuía.

Ainda tem alguma dúvida? Deixe um comentário.

 

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

imagem de site acessando o esocial
Governo
Obrigações do eSocial: Tire suas dúvidas sobre esse novo sistema trabalhista!

O eSocial é um Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas que está fazendo muito sucesso atualmente, pois ele facilita bastante a vida dos profissionais de contabilidade. O sistema possui todas as informações dos funcionários e empregadores de forma muito mais compacta e é por meio dele …

cpf cidadao documento
Governo
Documentos do cidadão: Saiba quais são obrigatórios e como obtê-los!

Para que uma pessoa possa ser legalmente um cidadão ela não precisa apenas nascer, ela precisa de documentos que comprovem que ela nasceu que são os registros civis. Assim, quando essa pessoa falece ela precisa de outro documento que comprove que ela faleceu, que é a certidão de óbito. Então …

Governo
Reforma trabalhista: O que é? Como funciona? Entenda aqui!

A reforma trabalhista ocorrida em 2017 consiste em mudanças significativas das leis trabalhistas brasileiras, e por isso é importante que todas as pessoas consigam saber o que mudou e o que permaneceu igual a fim de entender melhor quais são seus direitos. De acordo com o governo as medidas foram …